Estudantes: Comer mais vezes ao dia reduz ganho de peso e acelera o metabolismo

Enquanto beber refrigerante, assistir à televisão, usar o computador e jogar videogames aumenta as chances de estudantes ganharem peso ou permanecerem acima do peso, fazer mais refeições no dia pode reduzir esse risco. Isso é o que aponta um estudo que foi apresentado nesta terça-feira (30) na reunião anual da American Public Health Association, nos Estados Unidos.

A descoberta foi baseada na análise de mais de 5.300 estudantes de 11 escolas diferentes. Durante 18 meses, foi observado o impacto dos programas escolares na saúde e dieta dos participantes. O autor do estudo, da School of Public Health na Indiana University, aponta que foram feitos pouquíssimos investigando tal associação.

Ao fim da pesquisa, os especialistas descobriram que fazer mais refeições diariamente é uma boa estratégia para evitar o ganho de peso de estudantes. Isso porque comer em intervalos menores faz com que a pessoa consuma menos comida. Além disso, o metabolismo também funciona melhor, queimando mais calorias.

Vale lembrar que a prática de exercícios nessa idade também é fundamental. Por isso, os cientistas recomendam participar das atividades obrigatórias e, se possível, treinar fora da escola. Neste ponto, o papel dos pais é fundamental para preservar a saúde dos filhos.

Erros alimentares são herdados de família

Não ingerir verduras e legumes, não considerar frutas como sobremesa e ficar muito tempo sem comer entre uma refeição e outra são maus hábitos geralmente herdados de família. Aprenda o jeito certo de se alimentar evitando esses costumes:

1. Não considerar frutas como sobremesa
Existem frutas bastante doces e saborosas, que podem ser uma ótima sobremesa. Se for difícil incorporá-las após a refeição, pelo menos tente incluí-las no dia a dia, sempre que bater aquela fome. Se sentir necessidade de adoçar, esqueça o açúcar e utilize o mel.

2. Comer até limpar o prato
Forçar-se a comer torna a refeição um fardo e não um momento de prazer. Para sentir fome, entretanto, é fundamental evitar enganar o estômago com chocolates ou salgadinhos. Crie uma rotina organizada e permita que seu filho coma apenas até se sentir satisfeito.

3. Comer bastante para crescer saudável
Cada metabolismo funciona de determinada maneira. Por isso, não faz sentido estabelecer uma determinada quantidade de comida para todo mundo. Sinal de saúde é comer bem, e não necessariamente muito.

4. Não considerar salada comida
A salada deve fazer parte da refeição como qualquer outro alimento. Ela deve ocupar a maior parte do prato e, sempre que possível, estar presente até em opções gordurosas, como um hambúrguer.

Fonte: Minha Vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *