Falsa grávida alega problemas psicológicos

Como era de se esperar, na tarde de ontem, em depoimento à policia, a falsa grávida de Taubaté, Maria Verônica Aparecida Santos, alegou ter sofrido um transe mental, o que a levou criar a imensa barriga e toda a história da falsa gravidez.

De acordo com o delegado que a ouviu, Maria disse também que criou toda história para se aproximar da família – ela não falava com os pais há tempos -, e afirmou que o marido não sabia da farsa; para sustentar a mentira ela o impedia de tocar em sua barriga.

Falsa grávida de TaubatéCaro leitor, o que você acha: ela está – mais uma vez – mentindo? Será possível o marido não ser cumplice?

Bem, para mim ela está mentindo novamente, até porque, na última reportagem exibida pelo Domingo Espetacular, da Rede Record, foram revelados alguns vídeos de câmeras de segurança que mostram Maria sem barriga e, um dia depois, a mesma câmera registra os primeiros sinais dos enchimentos.

Como o marido não ia perceber que a barriga cresceu de um dia para o outro?…

1 pensamento em “Falsa grávida alega problemas psicológicos”

  1. O QUE MAIS ME ADIMIRA, É ESTA MULHER DIZER QUE É PROFESSORA, E TER IDEIAS HORRENDAS COMO ESTA.O PROFESSOR COMPROMISSADO COM A EDUCAÇÃO, APROVEITA AS SUAS IDEIAS CONSTRUTIVAS E COLOCAM EM PRÁTICA EM PROL DOS SEUS ALUNOS, PARA O CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO DOS MESMOS.COM PROBLEMAS PSICOLOGICOS OU NÂO, ELA DEVE RASGAR O DIPLOMA IMEDIATAMENTE VIVER NA REAL. SEM MENTIRAS E FALCATRUAS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *