Esportes

Gastos com as Olimpíadas serão fiscalizados por comissão

Envie por e-mail

A confirmação da Olimpíada de 2016 no Rio fez crescer a preocupação pela fiscalização dos gastos públicos com os Jogos, que acontecerão apenas dois anos após a Copa do Mundo no Brasil. Aliando o zelo pela aplicação correta dos recursos do governo em ambos os eventos, a Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira um requerimento para que uma subcomissão, já encarregada de acompanhar os gastos com a Copa de 2014, fiscalize também a Olimpíada no Rio.

O requerimento foi elaborado pelos deputados Sílvio Torres (PSDB-SP) e Rômulo Gouveia (PSDB-PB). O pedido foi feito à Comissão de Fiscalização Financeira e Controle (CFFC) da Câmara e, com a aprovação, a Subcomissão de Fiscalização dos Gastos Públicos Federais na Copa de 2014 também ficará encarregada de acompanhar a aplicação dos recursos do governo nos Jogos de 2016. Os investimentos públicos para a Olimpíada são estimados em R$ 30 bilhões.

O deputado Sílvio Torres, presidente da CFFC, explicou a medida. “O resultado do relatório do ex-ministro do TCU (Tribunal de Contas da União), Marcos Villaça, sobre os Jogos Pan-Americanos do Rio, que apontou irregularidades várias nas obras de organização da competição, nos fez ficar alertas para a necessidade de fiscalizar preventivamente esses grandes eventos. Essa é a única maneira de evitar prejuízos irrecuperáveis para a sociedade”, disse Torres.

Ainda nesta quarta-feira, a CFFC também aprovou outro requerimento, este solicitando ao Ministro do Esporte, Orlando Silva, que repasse à Câmara o projeto vencedor da candidatura Rio-2016, apresentado ao Comitê Olímpico Internacional (COI).

[ + ] Fonte: IG Esportes

Envie por e-mail
JPG Calcados Masculinos 300x250 v2

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios (*)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>